Welcome to my life









16/09/2013 às 4:15am · 0 notes

16/09/2013 às 4:14am · 0 notes

"Morrer é uma arte como qualquer outra, talvez a mais bela de todas. É assim que começo meu texto. Decidi preparar minha morte porque já que é o fim, há de ser algo glorioso, magnífico, será meu dia, o dia que todos lembrarão toda a minha vida, meus costumes, minhas manias, meus hobbies, que, a meu ver, não passa de hipocrisia. Para quem morre acaba. Para quem fica a morte seria um conforto. Por isso a morte não deve acontecer ao acaso, deve ser aproveitada, encenada, tem que ser especial como o show da sua vida. Bom, como ia dizendo, minha morte será em um dia par, ainda não decidi qual, tão pouco o mês ou o ano, saberei quando chegar a hora. Será logo. Não morrerei de amor, mas morrerei amando. Morrerei em casa, no meu quarto, meu cômodo preferido, em minha cama ou no canto onde deixo meu violão – um violão preto, com um contorno bege, elétrico e quase sempre sem bateria em seu afinador – sentado com as mãos pousadas de forma gentil sobre meu colo, minha cabeça vai estar abaixada, vou usar meu melhor perfume e minhas melhores roupas. Sempre tive um pouco de medo da dor, da morte, mas quando for a hora será melhor. Não vou usar lâminas, tão pouco armas de fogo, quero algo que me mate de dentro pra fora, sem deixar marcas, sem danificar minha aparência física, por isso pensei em morrer com o doce sabor do veneno, um pequeno frasco, talvez eu até desenhe uma caveira na embalagem, tem que ser no inverno, para que meu corpo não se decomponha em poucas horas. Dizem que o gosto do veneno é doce no final, quando você realmente encontra a luz branca. Recapitulando: minha morte será no meu quarto, com a minha melhor aparência, com minhas mãos delicadamente pousadas no meu colo, um pequeno frasco de veneno ao meu lado, em um dia par da primavera. Um dia feliz para meus inimigos, o dia da minha glória." -Chá

14/03/2013 às 2:36pm · 0 notes

6/01/2013 às 12:52am · 0 notes

6/01/2013 às 12:49am · 0 notes

(Source: picanaorelatada)


5/01/2013 às 9:42pm · 56 notes

21/06/2012 às 8:48pm · 1 note


12/06/2012 às 10:36pm · 22,828 notes


12/06/2012 às 10:34pm · 210 notes

(via magnet619)


12/06/2012 às 5:58pm · 7,553 notes

»